Hérnia Ventral de Spiegel

Autores

DOI:

https://doi.org/10.47385/camclin.4029.3.2024

Resumo

A hérnia de Spiegel é um tipo incomum e raro dentre as diversas hérnias ventrais relatadas. Ocorre através da fáscia de Spiegel na parede abdominal e geralmente é pequena, se desenvolvendo em sua maioria durante a quarta e sétima década de vida e necessitando de reparos cirúrgicos por risco de encarceramento. O presente estudo relata um caso de hérnia de Spiegel com seus achados clínicos, radiológicos e desfecho cirúrgico, além de apresentar uma breve revisão da literatura.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Thaísa Fagundes Neves, UniFOA

Estudante de Medicina do Centro Universitário de Volta Redonda

Rafaela Fagundes de Freitas, UniFOA

Estudante de Medicina do Centro Universitário de Volta Redonda. 

Juliana de Andrade Silva, UniFOA

Estudante de Medicina do Centro Universitário de Volta Redonda.

Referências

AKPO, G. et al. Diagnostic tomodensitométriqued’unehernie de Spiegel étranglée: à propos d’une observation. The Pan African Medical Journal. 2016;25:222.

ANDREAZZA, C. et al. Hérnia de Spiegel: suspeição diagnóstica e tratamento. Revista AMRIGS. 2015;59(4):300-2.

CHAIB, PS. Hérnia de Spiegel bilateral volumosa. Relatos Casos Cirúrgicos. 2017;(4):1-5.

GOULART, A. Hérnia de Spiegel: descrição de caso clínico com análise da literatura. Revista Portuguesa de Cirurgia. 2015;(35):41–7.

PETROIANU, A. Clínica Cirúrgica do Colégio Brasileiro de Cirurgiões. 1. ed. Rio de Janeiro: Atheneu; 2010:204-06.

Downloads

Publicado

2024-05-27

Como Citar

Mendonça Ferraz de Araujo, C., Fagundes Neves, T., Fagundes de Freitas, R. ., & de Andrade Silva, J. (2024). Hérnia Ventral de Spiegel. Caminhos Da Clínica, (3). https://doi.org/10.47385/camclin.4029.3.2024

Edição

Seção

Cirurgia Geral