Estudo Anatômico da Incidência do Canal Mesiopalatino em Primeiros Molares Superiores com Acesso Convencional ou Através de um Desgaste na Região de sua Embocadura

Autores

  • Mônica Viana dos Santos Especialista em Endodontia
  • Sylvio da Costa Júnior Especialista em Saúde da Família pelo UniFOA/RJ e Mestrando em Saúde da Família da Universidade Estácio de Sá/RJ.
  • Eduardo Meohas Médico Hematologista e Mestrando em Saúde da Família da Universidade Estácio de Sá/RJ.
  • Sergio Luiz Tavares Adriano Mestre em Endodontia pela UNITAU
  • Gilberto Rocha Oliveira Mestre em Endodontia pela UNITAU
  • Carlos Eduardo dos Santos Thuler

DOI:

https://doi.org/10.47385/cadunifoa.v5.n13.1024

Palavras-chave:

Primeiro Molar Superior Permanente, Canal Mesiopalatino, Endodontia

Resumo

O conhecimento da anatomia interna dos dentes humanos é essencial para se conseguir o sucesso na terapia endodôntica. O quarto canal conhecido como mesiopalatino em molares superiores, sempre foi motivo de discussão e polêmica. Foram analisados 50 primeiros molares superiores humanos, em que foi realizado o acesso convencional. Nos dentes em que não se constatou a presença do quarto canal, foi confeccionado um desgaste, na sua possível embocadura, e esses elementos foram então, novamente avaliados pelos Cirurgiões Dentistas. Após essa manobra, os dentes em que o quarto canal (mesiopalatino), mais uma vez, não foi observado por nenhum dos Cirurgiões Dentistas, tiveram a raiz mesiovestibular lixada, até a sua camada mais interna, com o objetivo de se constatar a presença ou não do quarto conduto. Com a tinta nanquim azul turquesa foi pintado o canal mesiovestibular e com o nanquim vermelho o canal mesiopalatino. O quarto canal mesiopalatino foi encontrado em 27 primeiros molares superiores (54%) com acesso convencional, com desgaste na região de sua embocadura em 18 dentes (36%), dos 5 dentes restantes que tiveram suas raízes lixadas, 4 não tinham o canal mesiopalatino (8%), e apenas 1 desses dentes possuía o quarto canal (2%). Pôde-se concluir que ocorreu uma elevada incidência da presença anatômica do quarto canal nas raízes mesiovestibulares dos primeiros molares superiores e que o desgaste na região de sua embocadura é essencial para se achar esse conduto e para que se tenha sucesso no tratamento endodôntico do primeiro molar superior permanente.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Referências

ABUXAPQUI, F. et al. Frecuencia del segundo conducto em la raiz mesiovestibular del primer molar superior em pacientes de la ciudad de Mérida, Yucatán, México. Rev. ADM; 54(3):131-3, MAYO-JUN. 1997.

ALCOTA, M.R.; MEDINA, L.B. Ocurrencia del cuarto conducto em primeros molares superiores permanentes. Odontol. Chil; 46(1):9-11, dic. Ilus, tab. 1998.

BUHRLEY, L.J. et al. Effect of magnification on locating the MB2 canal in maxillary molars. Printed in U.S.A. Vol. 28, No. 4. 2002.

BURNS, R.; HERBRANSON, E.J. Morfologia dentária e cavidades de acesso. In: COHEN, Stephen; BURNS, Richard. Caminhos da Polpa. Rio de Janeiro, RJ: Guanabara Koogan, 2000. p.140-190.

COELHO, C.S.M. et al. Configuração anatômica interna da raiz mésiovestibular de primeiros molares superiores permanentes. Guia Odonto. 2004.

COUTINHO, F. et al. Influência do microscópio cirúrgico na localização do canal mesiopalatino: uma análise laboratorial. Braz. oral res. [online]. v. 20, n.1, pp. 59-63. ISSN 1806-8324, 2006.

FAVIERI, A. et al. Root canal therapy of a maxillary first molar with five root canals: case report. Braz. Dent. J. vol. 17 n. 1 Ribeirão Preto 2006.

FERREIRA, P.O.M. et al. Análise radiográfica da trajetória do quarto canal no primeiro molar superior. RSBO v. 4, n. 2, p. 12-15, 2007.

FOGEL, H.M.. et al. Configuração da raiz mesiovestibular do primeiro molar superior: um estudo clínico. J. Endod. 1994 MAR; 20 (3) :135-7.

FONTANA, C.E.; BUENO, C.E.S; CUNHA, R.S. Microscópio Cirúrgico: a importância da magnificação visual e aumento da luminosidade em Endodontia. Jornal do Site. JULHO (2004).

GIILES, J. et al. Uma investigação do canal mesiopalatino em molares superiores e molares inferiores. Oral Surg Oral Méd Oral Pathol. 1990 NOV. 70 (5) : 638-43.

JOHN, J; STROPKO, D.D.S. A morfologia dos canais dos molares superiores: observações clínicas das configurações dos canais. J. Endod. 1999 JUNHO; 25 (6) : 446-50.

KULILD, J.C. et al. Incidence and configuration of canal systems in the mesiobuccal Root of maxillary first and second molars. Printed in U.S.A. Vol. 16, No 7. JULY 1990.

MANCILHA, F.A.B. et al. Estudo comparativo da anatomia interna de dentes anômalos pelos métodos radiográfico e diafanização. SOTAU R. virtual Odontol – Vol 5 Ano 2 – 2007.

MURTA, P.R.O.; MORDENTE, V.L.M. A polêmica do quarto canal. Correio ABO – JANEIRO/2005: 18-19.

PÉCORA, J.D. et al. Morphologic study of the maxillary molars part II; Internal anatomy. Braz. Dent. J. (1992) 3 : 53-57.

RODRIGUES, D.L. et al. Estudo anatômico da incidência do canal mesiopalatino em raízes mesiovestibulares de molares superiores. J. Bras. Endodond 2004; 5 (19): 316

SAAD, A.N. A prevalência de dois canais na raiz mesial de primeiros molares superiores permanentes tratados endodonticamente na sub-população da Arábia Saudita. Dental Journal 2005; 17 (1): 24-28.

SAVIOLI, R.N. et al. Influência do acesso endodôntico na localização dos canais radiculares dos molares superiores. ROBRAC, 6(20), 1996.

SEIDBERG, B.H. et al. Frequency of two mesiobuccal root canals in maxillary permanent first molars. J. AM. DENT. ASSOC. 1973. Vol. 87. : 852- 55.

THOMAS, R.P.; MOULE, A.J.; BRYANT, R. Morfologia do canal radicular dos primeiros molares superiores permanentes em diferentes idades. Int Endod. J. 1993 SEP; 26 (5) : 257-67.

WELLER, N.R. et al. A importância da localização e preenchimento do istmo do canal radicular em múltiplos sistemas. Um estudo de Microscopia Cirúrgica da raiz mesiovestibular do primeiro molar superior permanente. Printed in. U.S.A. Vol 21, No. 7. JULY 1995.

Downloads

Publicado

27-03-2017

Como Citar

SANTOS, M. V. dos; JÚNIOR, S. da C.; MEOHAS, E.; ADRIANO, S. L. T.; OLIVEIRA, G. R.; THULER, C. E. dos S. Estudo Anatômico da Incidência do Canal Mesiopalatino em Primeiros Molares Superiores com Acesso Convencional ou Através de um Desgaste na Região de sua Embocadura. Cadernos UniFOA, Volta Redonda, v. 5, n. 13, p. 39–47, 2017. DOI: 10.47385/cadunifoa.v5.n13.1024. Disponível em: https://revistas.unifoa.edu.br/cadernos/article/view/1024. Acesso em: 16 ago. 2022.

Edição

Seção

Ciências Biológicas e da Saúde