Superliga Inconel-718: Caracterização microestrutural e validação da base de dados termodinâmicos

Autores

  • Fábio Luiz da Veiga Centro Universitário de Volta Redonda – UNIFOA, Volta Redonda, Rio de Janeiro, Brasil
  • Maria Ismênia Sodero Toledo Faria Centro Universitário de Volta Redonda – UNIFOA, Volta Redonda, Rio de Janeiro, Brasil; Centro Paula Souza – Faculdade de Tecnologia de Pindamonhangaba, Pindamonhangaba, São Paulo, Brasil.
  • Gilberto Carvalho Coelho Centro Universitário de Volta Redonda – UNIFOA, Volta Redonda, Rio de Janeiro, Brasil; Universidade de São Paulo – USP, DEMAR - ELL, Lorena, São Paulo, Brasil.

DOI:

https://doi.org/10.47385/cadunifoa.v7.n2%20(Esp.).1174

Palavras-chave:

Inconel 718, Tratamento térmico, Microestrutura, Fases.

Resumo

Neste trabalho foi realizada a validação da base de dados para superligas à base de níquel através da comparação de dados termodinâmicos calculados e caracterização microestrutural da superliga Inconel 718. O material adquirido no estado bruto de fusão foi tratado termicamente inicialmente para solubilização das fases secundárias na matriz seguido de tratamento na temperatura de 700 °C durante os períodos de 500, 1000 e 2000 horas com objetivo deixar a microestrutura do material próxima a condição de equilíbrio termodinâmico. Os cálculos termodinâmicos em equilíbrio mostraram que na superliga Inconel 718 as fases predominantes são gama duas linhas (γ’’) e gama linha (γ’). Com aumento do tempo de tratamento térmico o cálculo prevê a dissolução da fase γ’’ na fase delta (δ), além da presença do carbeto MC em menor quantidade. Com os resultados obtidos por meio das análises utilizando o MEV e a comparação com os cálculos termodinâmicos conclui-se que a base de dados pode ser utilizada como ferramenta auxiliar no desenvolvimento de novas ligas à base de níquel e seus processos de fabricação.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Referências

CAMPBELL, F.C. Manufacturing Technology for Aerospace Structural Materials. Elsevier Science & Technology, 2006. 600p. ISBN 9781856174954.

REED, R.C. The Superalloys: Fundamentals and Applications. New York: Cambridge University Press, 2006. 372 p. ISBN 0521859042.

VALLE, L. C. M. Efeitos da solubilização e do envelhecimento na microestrutura e nas propriedades mecânicas da superliga Inconel 718. Dissertação de M.Sc. Universidade Federal do Rio de Janeiro, UFRJ, Rio de Janeiro, Brasil, 2010.

SANTOS, I. A. Caracterização de uma Superliga de Níquel sob Temperaturas Elevadas. Dissertação de M.Sc, Universidade de São Paulo, USP, Brasil, 1993.

XAVIER, M. D. , “Mecanismos de Endurecimento da Superliga Inconel 718”, Revista Eletrônica de Educação e Tecnologia do SENAI-SP, v. 3, n.7, Outubro 2009.

MARTINSSON. A. Ageing Influence on Nickel-based Superalloys at Intermediate Temperatures (400–600°C) p. 20. Department of Applied Physics and Mechanical Engineering Division of Engineering Materials. Luleå University of Technology. 2006.

RADAVICH,J.F. The physical metallurgy of cast and wrought alloy 718, Superalloy 718 - Metallurgy and Applications ,TMS. p. 229-240. 1989.

DURAND-CHARRE, M. The Microstructure of Superalloys. CRC Press, 1997. ISBN 9056990977.

DU,J.H., LU,X.D., DENG,Q., QU,J.L., ZHUANG,J.Y., ZHONG,Z.Y., “High temperature stability and mechanical properties of novel 718 superalloy”, Materials Science and Engineering, v. 452-453, p.584-591, 2007.

DAVIS, J.R. ASM SPECIALTY HANDBOOK Heat Resistant Materials 2nd ed. ASM Internacional, 1997. p. 224. ISBN 0871705966.

SPENCER, P.J. A brief history of CALPHAD, Calphad, Vol. 32, p. 1-8, 2008.

Wang L., Dong, J., Liu, L., Zhang, L. Solute redistribution and Rayleigh number in the mushy zone during directional solidification of Inconel 718.

Downloads

Publicado

30-03-2017

Como Citar

VEIGA, F. L. da; FARIA, M. I. S. T.; COELHO, G. C. Superliga Inconel-718: Caracterização microestrutural e validação da base de dados termodinâmicos. Cadernos UniFOA, Volta Redonda, v. 7, n. 2 (Esp.), p. 77–85, 2017. DOI: 10.47385/cadunifoa.v7.n2 (Esp.).1174. Disponível em: https://revistas.unifoa.edu.br/cadernos/article/view/1174. Acesso em: 16 ago. 2022.

Edição

Seção

Especial Mestrado em Materiais

Artigos mais lidos pelo mesmo(s) autor(es)