Pontos divergentes da Educação Física em Escolas Públicas e Privadas: a visão de professores do Ensino Superior

Autores

  • Cláudio Delunardo Severino Centro Universitário de Volta Redonda - UniFOA
  • Lidiana Gomes Adriano Centro Universitário de Volta Redonda - UniFOA

DOI:

https://doi.org/10.47385/cadunifoa.v10.n28.180

Palavras-chave:

Educação física escolar, ensino público, ensino privado, formação continuada.

Resumo

A presente pesquisaaborda a Educação Física Escolar em instituições públicas e privadas, a partirda visão dos professores, objetivando a compreensão de possíveis pontos divergentesque ocorrem nas mesmas, por intermédio de uma entrevista semiestruturada, comseis docentes que atuam em Instituições de Ensino Superior da Região Sul Fluminense,bem como nas redes privada e pública da Educação Básica. Por se tratar de umapesquisa qualitativa, o foco baseia-se na descrição e interpretação dossignificados e experiências dos indivíduos com a maior precisão possível. Ficouexplícito, sob o olhar dos entrevistados, que existem distinções entre as instituiçõespúblicas e privadas, referentes à ação pedagógica, a parte infraestrutural e opapel atribuído às referidas escolas.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Cláudio Delunardo Severino, Centro Universitário de Volta Redonda - UniFOA

Mestre em Ciências da Saúde e do Meio Ambiente.Docente do Curso de Educação Física do Centro Universitário de Volta Redonda - UniFOA

Lidiana Gomes Adriano, Centro Universitário de Volta Redonda - UniFOA

Discente do Curso de Educação Física do Centro Universitário de Volta Redonda - UniFOA

Referências

AGEE, Jane. Developing qualitative research questions: a reflective process.International Journal of Qualitative Studies, v. 22, n. 4, p. 431-447, 2009.Disponível em:<http://dx.doi.org/10.1080/09518390902736512>. Acesso em: 15 Set. 2013.

ALARCÃO, Isabel (Org.). Escola reflexiva e nova racionalidade. Porto Alegre: Artmed, 2001.

ANTUNES, Celso. 9 passos para uma escolar pública de excelente qualidade. Petrópolis - RJ: Vozes, 2013.

BARDIN, Laurence. Análise de conteúdo. São Paulo: Edições 70, 2011.

BOYLE, Spencer Earl et al. Physical activity among adolescents and barriers to delivering physical education in Cornwall and Lancashire, UK: a qualitative study of heads of PE and heads of schools. BMC Public Health, v. 8, n. 273, 2008. Disponível em :<http://www.biomedcentral.com/1471-2458/8/273>. Acesso em: 15 Set. 2013.

BRACHT, Valter et al. Pesquisa em ação: educação física na escola. 3. ed. Ijuí - SC: Editora Unijuí, 2007.

CASTELLANI FILHO, Lino. Educação física no Brasil: a história que não se conta. 15. ed. Campinas - SP: Papirus, 2008.

CRUZ, Marlon Messias Santana; PALMEIRA, Fernanda Caroline Cerqueira. Construção de identidade de gênero da educação física escolar. RevistaMotriz, Rio Claro, v. 15, n. 1, p. 116-131, 2009. Disponível em: <http://www.periodicos.rc.biblioteca.unesp.br/index.php/motriz/article/view/1470/2224>. Acesso em: 15 Set. 2013.

DEMO, Pedro. Escola pública e escola particular: semelhanças de dois imbróglios educacionais. 2007. Disponível em: <http://repositorio.unb.br/bitstream/10482/8096/1/ARTIGO_EscolaPublicaEscolaParticular.pdf>. Acesso em: 11 Junho 2013.

FOLLE, Alexandra et al. Carreira no magistério público e nível de qualidade de vida no trabalho docente em Educação Física. Revista Motriz, Rio Claro, v. 14, n. 3, p. 210-221, jul/set. 2008. Disponível em:<http://www.periodicos.rc.biblioteca.unesp.br/index.php/motriz/article/view/1396/1756>. Acesso em: 07 Maio 2013.

FRANÇA, Caroline Fernandes et al. Análise sobre a motivação dos professores de educação física escolar e a profissionalização da docência. 2012. Disponível em:<https://www.fontouraeditora.com.br/periodico/vol-11/Vol11n1-2012/Vol11n1-2012-pag-71a80/Vol11n1-2012-pag-71a80.pdf>. Acesso em: 03 Abril 2014.

GONÇALVES, Hortência de Abreu. Manual de metodologia da pesquisa científica. São Paulo: Avercamp, 2005.

KANTERS, Michael A. et al. School sport participation under two school sport policies: comparisons by race/ethnicity, gender and socioeconomic status. 2012. Disponível em: <http://www.activelivingresearch.org/node/12620>. Acesso em: 11 Junho 2013.

LIBÂNEO, José Carlos. Didática. São Paulo: Cortez, 1990.

MINAYO, Maria Cecília de Souza. O desafio do conhecimento: pesquisa qualitativa em saúde. 12. ed. São Paulo: Hucitec, 2010.

NASSER, Sérgio Daniel. Conflitos entre escola pública e escola privada e suas repercussões no cotidiano escolar do estudante da escola pública. 2011. Disponível em: <http://www.xiconlab.eventos.dype.com.br/resources/anais/3/1307103426_ARQUIVO_Congresso_Conflitosentreescolapublicaeescolaprivadaesuasrepercussoesnocotidianoescolardoestudantedaescolapublica.pdf>. Acesso em: 13 Junho 2013.

PIAGET, Jean. Psicologia e pedagogia: a resposta do grande psicólogo aos problemas do ensino. 9 ed. Rio de Janeiro: Forense Universitária, 2008.

PIMENTA, Selma Garrido et al. O papel da escola pública no Brasil contemporâneo. 1. ed. São Paulo: Edições Loyola, 2013.

RANGEL, I. C. A. et al..Educação Física Escolar e Multiculturalismo: possibilidades pedagógicas. Motriz, v. 14, n.2, 2008.

SANTOS, Izequias Estevam dos. Manual de métodos e técnicas de pesquisa científica. Niterói – RJ: Impetus, 2011.

SILVA, Luciene Ferreira. Educação, educação física e sociedade: implicações na atualidade. Revista Motriz, Rio Claro, v. 14, n. 4, p. 408-417, out/dez. 2008. Disponível em:<http://www.periodicos.rc.biblioteca.unesp.br/index.php/motriz/article/view/2138>. Acesso em: 06 Maio 2013.

SILVA, Rudney ; MACIEL, Paola Belezza. Características da Educação Física do Ensino Médio noturno. Revista Motriz, Rio Claro, v.15, n.2, p. 247-256, abr./jun. 2009. Disponível em: <http://seer.ufrgs.br/index.php/Movimento/article/view/2495/1139>. Acesso em: 03 Abril 2014.

SOUZA JUNIOR, Marcílio Barbosa Mendonça et al. A análise de conteúdo como forma de tratamento dos dados numa pesquisa qualitativa em educação física escolar. Revista Movimento, Porto Alegre, v. 16, n. 3, p. 31-49, jul/set. 2010. Disponível em: <http://seer.ufrgs.br/Movimento/article/view/11546>. Acesso em: 20 Set. 2013.

Downloads

Publicado

10-08-2015

Como Citar

SEVERINO, C. D.; ADRIANO, L. G. Pontos divergentes da Educação Física em Escolas Públicas e Privadas: a visão de professores do Ensino Superior. Cadernos UniFOA, Volta Redonda, v. 10, n. 28, p. 91–105, 2015. DOI: 10.47385/cadunifoa.v10.n28.180. Disponível em: https://revistas.unifoa.edu.br/cadernos/article/view/180. Acesso em: 4 out. 2022.

Edição

Seção

Ciências Biológicas e da Saúde

Artigos mais lidos pelo mesmo(s) autor(es)

1 2 > >>