Implantação computacional de um modelo constitutivo para metais CFC baseado em densidade de discordâncias

Autores

  • R. Garcez UFF – Universidade Federal Fluminense, Volta Redonda - RJ
  • L. P. Moreira UFF – Universidade Federal Fluminense, Volta Redonda - RJ

Palavras-chave:

Método de elementos finitos, densidade de discordâncias, encruamento

Resumo

O objetivo principal proposto neste trabalho é a implantação computacional de um modelo de encruamento baseado na evolução da densidade de discordâncias. Para tal adotou-se a descrição fenomenológica proposta por Kocks – Mecking, onde é assumido a elasticidade linear isotrópica de Hooke em conjunto com uma lei de encruamento viscoplástico. Ainda, para descrever o comportamento de materiais CFC adotou-se o critério de escoamento isotrópico de Drucker. Primeiramente, é apresentado o método geral de integração das equações constitutivas do modelo de Kocks – Mecking, onde um esquema de previsão elástica – correção plástica do tipo retorno normal é adotado num código comercial de elementos finitos. Em seguida, dados experimentais obtidos na literatura para o ensaio de tração uniaxial do cobre puro são adotados para validar a implantação computacional desenvolvida. Verificou-se que as previsões da curva tensão - deformação total em tração uniaxial estão em boa concordância com os valores experimentais.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Downloads

Publicado

04-02-2019

Como Citar

GARCEZ, R.; MOREIRA, L. P. Implantação computacional de um modelo constitutivo para metais CFC baseado em densidade de discordâncias. Cadernos UniFOA, Volta Redonda, v. 3, n. 1 esp, p. 54, 2019. Disponível em: https://revistas.unifoa.edu.br/cadernos/article/view/2783. Acesso em: 29 nov. 2022.