O público e o privado na gestão da inovação no Brasil

Autores

  • Vitor Barletta Machado PUC-Campinas
  • Agamemnom Rocha Souza

DOI:

https://doi.org/10.47385/cadunifoa.v11.n30.342

Palavras-chave:

inovação, público e privado, pesquisa e desenvolvimento, universidades, sociologia

Resumo

É ponto constatado por diferentes trabalhos que no Brasil os maiores investimentos em pesquisas que geram inovação são feitos pelas universidades públicas, com capital estatal. Verifica-se no comportamento das empresas que investem em pesquisa e desenvolvimento uma busca por instalarem-se nas regiões que contam com a presença desses centros universitários, com alta concentração de profissionais qualificados. O presente artigo apresentar algumas reflexões sobre essa questão através de alguns autores clássicos para o pensamento social brasileiro. O objetivo é destacar uma certa continuidade histórica de mistura da esfera pública e privada na gestão política e econômica de nossa sociedade, em um processo no qual os gastos continuam sendo socializados enquanto os lucros são apropriados pelos grupos detentores do capital.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Vitor Barletta Machado, PUC-Campinas

Doutor em Sociologia

Professor da Puc-Campinas.

Downloads

Publicado

04/10/2016

Como Citar

MACHADO, V. B.; SOUZA, A. R. O público e o privado na gestão da inovação no Brasil. Cadernos UniFOA, Volta Redonda, v. 11, n. 30, p. 69–81, 2016. DOI: 10.47385/cadunifoa.v11.n30.342. Disponível em: https://revistas.unifoa.edu.br/cadernos/article/view/342. Acesso em: 3 jul. 2022.

Edição

Seção

Ciências Sociais Aplicadas e Humanas

Artigos mais lidos pelo mesmo(s) autor(es)