Desenvolvimento da competência comunicativa: um processo de coconstrução de conhecimento sobre a comunicação humana

Autores

  • Luciana Leitão da Silva Doutoranda em Linguística Aplicada, Mestre em Linguística Aplicada - UFRJ – Universidade Federal do Rio de Janeiro, Especialista em Literaturas de Língua Inglesa - UERJ - Universidade Estadual do Rio de Janeiro, Graduada em Letras (Português/Inglês) UFRJ – Universidade Federal do Rio de Janeiro.

DOI:

https://doi.org/10.47385/cadunifoa.v6.n16.1061

Palavras-chave:

Coconstrução Interação Estratégia

Resumo

O propósito deste trabalho é averiguar o processo de desenvolvimento da competência comunicativa de alunos de inglês como língua estrangeira segundo a implementação de uma série de atividades que visam a coconstrução de conhecimento sobre a interação e comunicação humanas (Fabrício, 1996; Hall, 1993). Os dados gerados são sobre um trabalho de pesquisa-ação (Moita Lopes, 2003) encaminhado junto a alunos intermediários participantes de um projeto de ensino de idiomas em uma universidade do Rio de Janeiro. Os resultados mostram que é possível que alunos de nível intermediário possam interagir e produzir conhecimento em inglês apesar de seu repertório linguístico limitado quando se dão conta de que há mais em jogo num diálogo do que meras estruturas sintáticas e lexicais.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Referências

BERTO, M. B. G. Redefining the EFL classroom for beginners. Monografia de final de curso (Especialização em Língua Inglesa) – PUC RIO, 2002.

FABRÍCIO, B. F. Interação em contexto educacional: um novo referencial para a sala de aula de língua estrangeira. 1996. Dissertação (Mestrado no Curso Interdisciplinar de Lingüística Aplicada) – Faculdade de Letras, Universidade Federal do Rio de Janeiro, Rio de Janeiro, 1996.

GUMPERZ, J. Convenções de contextualização. In: RIBEIRO, B.T. e GARCEZ, P.M. (Orgs.) Sociolinguística Interacional: Antropologia, Linguística e Sociologia em Analise do Discurso. Porto Alegre: AGE, 1998, p. 98-119.

HALL, J. K. The Role of Oral Practice in the Accomplishment of our Everyday Lives: The Sociocultural Dimension of Interaction with Implications for the Learning of Another Language. Applied Linguistics, vol. 14, no. 2, Oxford University Press, 1993, p. 145-165.

JOHNSON, K. & JOHNSON, H. Communicative Competence. In: ______. Encyclopedia Dictionary of Applied Linguistics: a handbook for language teaching. Oxford, Blackwell: 1998, p. 62-68.

MOITA LOPES, L. P. and FREIRE, A. M. F. Looking back into an act- research project: teaching/learning to reflect on the language classroom. The Specialist, São Paulo, vol. 19, no. 2, 2003, p. 145-167.

SCHIFFRIN, D. Approaches to Discourse. Oxford: Blackwell, 1994.

SCHNACK, C. M., PISONI, T. D., OSTERMAN, A. C. Transcrição da fala: do evento real à representação da escrita: Revista Entrelinhas, Ano II, no. 2, maio/agosto, 2005. Disponível em: http://www.entrelinhas.unisinos.br/index.php?e=2&s=9&a=12. Acesso em 15 jan. 2008.

Downloads

Publicado

03/27/2017

Como Citar

SILVA, L. L. da. Desenvolvimento da competência comunicativa: um processo de coconstrução de conhecimento sobre a comunicação humana. Cadernos UniFOA, Volta Redonda, v. 6, n. 16, p. 71–78, 2017. DOI: 10.47385/cadunifoa.v6.n16.1061. Disponível em: https://revistas.unifoa.edu.br/cadernos/article/view/1061. Acesso em: 4 jul. 2022.

Edição

Seção

Ciências Sociais Aplicadas e Humanas

Artigos Semelhantes

Você também pode iniciar uma pesquisa avançada por similaridade para este artigo.