Proposta de modelo de gestão colegiada em ambulatório público de especialidades médicas do município de Volta Redonda-RJ

Autores

  • C. S. Cunha UniFOA - Centro Universitário de Volta Redonda
  • M. C. T. Souza UniFOA - Centro Universitário de Volta Redonda

DOI:

https://doi.org/10.47385/cadunifoa.v7.n1%20Esp.1999

Palavras-chave:

organização e administração, comunicação, gestão em saúde

Resumo

Atualmente existem inúmeros referenciais teóricos acerca de um modelo de gestão, seja
ele com foco na produtividade, no trabalhador, na qualidade com produtividade, entre
outros. O desafio seria adequar tais modelos a uma gestão de uma unidade de saúde, que
na maioria guarda estreita relação com os primeiro, segundo, terceiro e quarto setores.
Esta pesquisa objetivou apresentar a elaboração e implantação do modelo de gestão
colegiada e descentralizada, no Ambulatório Escola do Centro Universitário de Volta
Redonda-RJ. Trata-se de estudo de caso histórico-organizacional, na vertente qualitativa,
que se utilizou da análise temática de conteúdo, para a análise dos dados. A instituição
adotou a descentralização de sua estrutura administrativa a partir dos primeiros instantes
de sua inauguração, mediante a aplicação da gestão compartilhada, o que possibilitou
algumas melhorias internas, com repercussão positiva na assistência prestada ao usuário.
A implantação verticalizada do processo, empecilho para alguns modelos semelhantes
implantados, não parece ter prejudicado a adesão dos trabalhadores, pois a gestão colegiada
intensificou a comunicação, o compartilhamento do poder e da decisão. Com esta pesquisa,
entendemos que, apesar dos avanços em relação à qualificação da assistência, que há
muito o que se fazer para se concretizar essa proposta gerencial inovadora, principalmente
nos elementos que apontam para a capacitação do gestor público.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Downloads

Publicado

2012-10-30

Artigos mais lidos pelo mesmo(s) autor(es)