Uso de dentifrícios fluoretados em pré-escolares

Autores

  • E. M. J. Bittencourt Centro de Pesquisas Odontológicas São Leopoldo Mandic, Campinas, SP
  • C. H. Habibe Centro de Pesquisas Odontológicas São Leopoldo Mandic, Campinas, SP. UniFOA – Centro Universitário de Volta Redonda, Volta Redonda, RJ. Universidade Cruzeiro do Sul, São Paulo, SP.
  • R. C. H. Habibe Centro de Pesquisas Odontológicas São Leopoldo Mandic, Campinas, SP.
  • A. R. F. Melo UniFOA – Centro Universitário de Volta Redonda, Volta Redonda, RJ. Universidade Cruzeiro do Sul, São Paulo, SP.

DOI:

https://doi.org/10.47385/cadunifoa.v7.n1%20Esp.2023

Palavras-chave:

dentifrícios fluoretados, pré-escolares, fluorose

Resumo

Os fluoretos desempenham importante papel na prevenção e no declínio da doença cárie. O uso regular de dentifrícios fluoretados é considerado um dos meios mais eficazes e racionais de prevenção da cárie dentária, pois alia a remoção do biofilme com o contato constante do flúor com o esmalte dentário. Os cremes dentais fluoretados estão indicados para a população em geral, inclusive para crianças menores de nove anos. Sua utilização em crianças em idade pré-escolar, na fase de desenvolvimento do esmalte dentário dos dentes permanentes, requer supervisão pelos responsáveis e utilização de uma pequena quantidade, uma vez que é sabido o risco de desenvolvimento de fluorose dentária por ingestão excessiva de flúor nessa faixa etária, que involuntariamente ingere certa quantidade de dentifrício no momento da escovação dos dentes. Devido à preocupação com a ocorrência de fluorose, alguns profissionais e associações médicas e odontológicas começaram a recomendar que fossem utilizados cremes dentais sem flúor ou com baixa concentração de flúor para crianças em idade pré-escolar. Entretanto, recentemente, em função de achados científicos, essas recomendações têm sido reformuladas. Este trabalho tem como objetivo esclarecer a população acadêmica em relação a utilização dos dentifrícios fluoretados em pré-escolares, relatando que as evidências científicas apontam para seu uso em crianças de tenra idade, e que o risco de fluorose dentária está diretamente ligado à quantidade de dentifrício fluoretado utlizado em cada escovação.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Downloads

Publicado

30-10-2012

Como Citar

BITTENCOURT, E. M. J.; HABIBE, C. H.; HABIBE, R. C. H.; MELO, A. R. F. Uso de dentifrícios fluoretados em pré-escolares. Cadernos UniFOA, Volta Redonda, v. 7, n. 1 Esp, p. 207, 2012. DOI: 10.47385/cadunifoa.v7.n1 Esp.2023. Disponível em: https://revistas.unifoa.edu.br/cadernos/article/view/2023. Acesso em: 29 nov. 2022.

Artigos mais lidos pelo mesmo(s) autor(es)

1 2 > >>