O impacto da cateterização da Artéria Pulmonar (Swan Ganz) na mortalidade de pacientes críticos internados no CTI de um hospital de Volta Redonda

Autores

  • L. R. Arbex UniFOA – Centro Universitário de Volta Redonda
  • G. P. Coelho UniFOA – Centro Universitário de Volta Redonda
  • L. D. Dutra UniFOA – Centro Universitário de Volta Redonda
  • C. R. Reginato UniFOA – Centro Universitário de Volta Redonda
  • M. A. Arbex UniFOA – Centro Universitário de Volta Redonda
  • E. C. Jesus UniFOA – Centro Universitário de Volta Redonda

Palavras-chave:

cateterização da artéria pulmonar, swan ganz, sistema QuaTi, APACHE II

Resumo

Objetivou-se neste estudo, avaliar o impacto da cateterização da artéria pulmonar na mortalidade de pacientes internados no CTI de um hospital de Volta Redonda, para obter resultados que poderão influenciar na aplicação futura deste recurso diagnóstico neste hospital, até que se defina o verdadeiro papel do Swan Ganz no cenário do paciente crítico. Trata-se de estudo retrospectivo a partir de dados do Sistema QuaTI (Qualidade em Terapia Intensiva) de 15 pacientes submetidos à monitorização hemodinâmica invasiva por cateterização da artéria pulmonar no período de dezembro de 2007 a outubro de 2008, admitidos no CTI de um hospital de Volta Redonda – RJ. Uma unidade mista que possui 9 leitos e admite pacientes adultos em situações que necessitem de cuidados intensivos. O cateterismo do coração direito é invasivo e deve ser utilizado apenas quando se prevê que a informação a obter será benéfica para o doente, de forma a merecer o risco. Não deve ser feito se a informação pretendida puder ser obtida por meios não invasivos.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Downloads

Publicado

01-11-2018

Como Citar

ARBEX, L. R.; COELHO, G. P.; DUTRA, L. D.; REGINATO, C. R.; ARBEX, M. A.; JESUS, E. C. O impacto da cateterização da Artéria Pulmonar (Swan Ganz) na mortalidade de pacientes críticos internados no CTI de um hospital de Volta Redonda. Cadernos UniFOA, Volta Redonda, v. 4, n. 1esp, p. 60, 2018. Disponível em: https://revistas.unifoa.edu.br/cadernos/article/view/2587. Acesso em: 2 out. 2022.

Artigos mais lidos pelo mesmo(s) autor(es)