Perfil Higiênico de Carne Bovina Moída Comercializada na Cidade do Rio de Janeiro e Adjacências, Estado do Rio de Janeiro, Brasil

Autores

  • Maria Célia Ferreira Fundação Técnico Educacional Souza Marques (FTESM)
  • Antonio Neres Norberg Centro Universitário de Volta Redonda (UNIFOA), Universidade Iguaçu (UNIG)
  • Ana Carolina Torres Fundação Técnico Educacional Souza Marques (FTESM)
  • Paulo César Ribeiro Universidade Iguaçu (UNIG)
  • Fabiano Guerra Sanches
  • Margareth Maria de Carvalho Queiroz Universidade Iguaçu (UNIG), Fundação Oswaldo Cruz (FIOCRUZ)
  • Raimundo Wilson de Carvalho Centro Universitário de Volta Redonda (UNIFOA), Fundação Oswaldo Cruz (FIOCRUZ), Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (CNPQ)

DOI:

https://doi.org/10.47385/cadunifoa.v1.n2.887

Palavras-chave:

Salmonella spp., Carne Bovina, Toxinfecção Alimentar

Resumo

Foi avaliada a ocorrência de soro-grupos do gênero Salmonella em 150 amostras de carne bovina moída comercializada em açougues da cidade do Rio de Janeiro e adjacências. Após as coletas, as amostras de carne foram mantidas sob-refrigeração até serem feitas as semeaduras em Tetrationate Broth. Posteriormente foram repicadas em Eosin-Methilen-Blue Agar e Salmonella-Shigella-Agar. O crescimento obtido foi identificado através de caracteres morfológicos, culturais, provas bioquímicas e sorológicas. O resultado mostrou que 52% das amostras estavam contaminadas por Salmonelas. Os soro-grupos  B e D apresentaram as maiores incidências e nenhuma amostras apresentou-se contaminada pelo soro-grupo A, soro-grupo exclusivo de humanos.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Referências

ABRAHÃO, R.M.C.M.; NOGUEIRA, P.A.; MALUCELLI, M.I.C. 2005. O comércio clandestino de carne e leite no Brasil e o risco de transmissão da tuberculose bovina e de outras doenças ao homem: um problema de saúde pública. Arch. Vet. Science. 10: 1- 17.

ACHA, P.N. & SZYFRES, B. 1986. Zoonoses y enfermidades transmissibles comunes al hombre y los animales. 2ª. Ed. Washington, Organização Panamericana de Saúde. 158-166.

ALMEIDA, A.Z.C.; PERESI, J.T.M.; CARVALHO, I.S.; RODRIGUES, E.A.C.; MARQUES, D.E.; TAVECHIO, A.T.; FERNANDES, S.A. 2000. Salmonella: sorotip0os identificados na região de São José do Rio Preto-SP, no período entre 1990 e 1999. Rev. Inst. Adolfo Lutz 59: 33-37.

ÁVILA, C.R.; GALLO, C.R. 1996. Pesquisa de Salmonella spp. em leite cru, leite Pasteurizado tipo C e Queijo “Minas Frescal” comercializados no município de Piracicaba-SP. Sci. agric. 53: 159-163.

ASERKOFF, B. & SCHROEDER, S.A. 1970. The problem of Salmonellae in foods. Am. J. Epid., 92: 13-16.

BEAN, N.H. & GRIFFIN, P.M. 1990. Footborne Disease outbreaks in the United States, 1973-1987: Pathogens, Vehicles and Trends. J. Food Protection, 53: 804-817.

CALZADA, C.T.; NEME, S.N.; IRINO, K.; KANO, E.; DIAS, A.M.G.; FERNANDES, S.A.; VAZ, T.M.I.; PESSÔA, G.V.A. 1984. Sorotipos de Salmonella identificados no período 1977-1982, no Instituto Adolfo Lutz, São Paulo, Brasil. Rev. Inst. Adolfo Lutz 44: 1-18.

CENTER FOR DISEASE CONTROL (CDC). 1993. Outbreak of Salmonella enteritidis associated with homemade ice cream. Flórida. MMWR, 42: 793-797.

FALCÃO, D. P.; SUASSUNA, I.; SUASSUNA, I.R. 1979. Avaliação do meio “Agar xilose lisina verde brilhante” no isolamento de Salmonella. Rev. Saúde Pública 13: 43- 46.

FAUSTINO, M.A.G.; LIMA, M.M.; ALVES, L.C.; SANTOS, A.L.G. SANTANAM, V.L.A. 2003. Causas de condenação à inspeção sanitária em abatedouro de bovinos da cidade de Valença, Rio de Janeiro. Hig. Alimentar 17: 32-35.

FRANCO, B.D.G.M.; LANDGRAF, M. 2003. Microbiologia dos alimentos. São Paulo: Ed. Atheneu, 55-56.

HOFER, E.; SILVA-FILHO, S.J.; REIS, E.M.F. 1998. Sorovares de Salmonella isolados de matérias-primas e de ração para aves no Brasil. Pesq. Vet. Bras. 18: 21-27.

HORMAECHE, E. 1939. Patologia y epidemiologia de lãs salmoneloses infantiles. Arch. Ped. Urug. 10: 443.

JAKABI, M. et al. Observações laboratoriais sobre surtos alimentares de Salmonella sp. Ocorridos na grande São Paulo no período de 1994 a 1997. Rev. Inst. Adolfo Lutz 58: 47-51, 1999.

LACEYY, R.W. 1993. Food-borne bacterial infections. Parasitology 107 (suppl): 575- 593.

LEITÃO,M.F.F. 1988. Microbiologia de alimentos. In: ROITMAN, I.; TRAVASSOS, L.R.; AZEVEDO, J.L. Tratado de microbiologia. Ed. Manole 2: 70-75.

LÍRIO, V.S.; SILVA, E.A.; STEFONI, S.; CAMARGO, D.; RECCO, E.A.P.; MALUF, Y.T.; MIYAZAWA, T.T.; NEVES, D.V.D.A.; OLIVEIRA, V.M. 2006. Freqüência de 17 sorotipos de Salmonela isolados em alimentos. Rev. Hig. Alimentar 20: 69-70.

MENDES, E.C.; SILVA, S.S.; FONSECA, E.A.L.T.; SOUZA, H.R.R.; CARVALHO, R.W. 2005. A Neurocisticercose humana na Baixada Fluminense, Estado do Rio de Janeiro, Brasil. Arq. Neuro-Psiquiatr. 63: 907-913.

OLIVEIRA, D.D. AND SILVA, E.N. 2000. Salmonela em ovos comerciais: ocorrência, condições de armazenamento e desinfecção da casca. Arq. Bras. Med. Vet. Zootec. 52: 655-661.

OLIVEIRA, N.M.S.; NASCIMENTO, L.C.; FIORINI, J.E. 2002. Isolamento e identificação de bactérias facultativas mesofílicas em carnes frescas bovinas e suínas. Rev. Hig. Alimentar 16: 68-74.

OLIVEIRA, S.D.; FLORES, F.S.; SANTOS, L.R.; BRANDELL, A. 2005. Antimicrobial resistence in Salmonella enteritidis strains isolated from broiler carcasses, food, human and poutry-related samples, Int. J. Food Microbiology 97: 297- 305.

PERESI, J.T.M.; ALMEIDA, I.A.Z.C.; LIMA, S.I.; MARQUES, D.F.;RODRIGUES, E.C.A.; FERNADES, S.A.; GELLI, D.S.; IRINO, K. 1998. Surtos de enfermidades transmitidas por alimentos causados por Salmonella enteritidis. Rev. Saúde Pública 32: 477-483.

ROMBOUTS, F.M.; KAMPELMACHER, E.H. 1973. Voedsevelveriftigingen. Natur. Technieck 41: 2-16.

SANTOS, D.M.S.; BERCHIERI J.A.; FERNANDES, S.A.; TAVECHIO, A.T.; AMARAL, L.A. 2000. Salmonella em carcaças de frango congeladas. Pesq. Vet. Bras. 20: 39-42.

SCUDERI, G.; FANTASIA, M.; FILETICI, E.; ANASTÁSIO, M.P. 1996. Foodborne outbreaks caused by Salmonella in Italy among 1991 and 1994. Epidemiol. Infect. 116: 257-265.

SCHTHORST, M.V.; NORTHOLT, M.J.; KAMPELMACHER, E.H.; NOTERMANS, S.A. 1976. A survey of Salmonella contamination in animal feeds. J. Hig. Camb. 3: 66-67.

WHITE, D.G.; ZHAO, S.; SUDLER, R.; FRIEDMAN, S.; McDERMOTT, P.F.; WAGNER, D.D.; MENG, J. 2001. The isolations of antibiotic-resistant salmonella from retail ground meats. N. Engl. J. Med. 345: 1147-1154.

Downloads

Publicado

23-03-2017

Como Citar

FERREIRA, Maria Célia; NORBERG, Antonio Neres; TORRES, Ana Carolina; RIBEIRO, Paulo César; SANCHES, Fabiano Guerra; QUEIROZ, Margareth Maria de Carvalho; CARVALHO, Raimundo Wilson de. Perfil Higiênico de Carne Bovina Moída Comercializada na Cidade do Rio de Janeiro e Adjacências, Estado do Rio de Janeiro, Brasil. Cadernos UniFOA, Volta Redonda, v. 1, n. 2, p. 83–89, 2017. DOI: 10.47385/cadunifoa.v1.n2.887. Disponível em: https://revistas.unifoa.edu.br/cadernos/article/view/887. Acesso em: 18 jun. 2024.

Edição

Seção

Ciências Biológicas e da Saúde

Artigos Semelhantes

1 2 3 > >> 

Você também pode iniciar uma pesquisa avançada por similaridade para este artigo.

Artigos mais lidos pelo mesmo(s) autor(es)