Vivências em um ambiente escolar: significâncias político-pedagógicas de um estágio em atenção primária

Luiz Eduardo de Almeida, Pedro Aquino Reis de Castro Vitorino, Rebeca Ferreira Elerati, Robert Wilson da Silva Tostes, Sabrina Aparecida de Andrade

Resumo


Este artigo tem como objetivo analisar as significâncias político-pedagógicas de vivências experimentadas por estagiários de um curso de Odontologia em um ambiente escolar. Trata-se de um estudo qualitativo transversalmente estruturado sob estratégia narrativo-descritiva e moldado à técnica argumentativa. O Estágio de Clínica Integrada em Atenção Primária foi didaticamente sistematizado em dois períodos: Pré-intervenção e Intervenção. Do primeiro, se desvendaram duas ações: a contextualização dos acadêmicos estagiários e a estruturação, ambientalização e levantamento de necessidades do ambiente de trabalho. Já o segundo foi guiado pela lógica pedagógica do instrumento TPC (Teorizar-Praticar-Criticar), no qual todas as ações programadas seguiram a lógica ativa do planejamento estratégico, ou seja, contextualizadas às realidades do cenário de prática (ambiente escolar). Conclui-se que, das experimentações vivenciadas algumas inferências se destacaram: a efetividade do instrumento TPC no direcionamento dos acadêmicos estagiários no planejamento estratégico de ações de educação em saúde; o reconhecimento do ambiente escolar como território fértil para o desenvolvimento de atividades promotoras de saúde; a importância de se disseminar, em espaços científicos, os aprendizados advindos de experimentações práticas de estágios.


Palavras-chave


Promoção da saúde. Educação em saúde. Estágio clínico. Relações Comunidade-Instituição. Planejamento estratégico.

Texto completo:

PDF

Referências


ALBUQUERQUE, V.S.; GOMES, A.P.; REZENDE, C.H.A.; SAMPAIO, M.X.; DIAS, O.V.; LUGARINHO, R.M.. A integração ensino-serviço no contexto dos processos de mudança na formação superior dos profissionais da saúde. Rev. bras. educ. med, 32(3): 356–362, 2008.

ALMEIDA, L.E. PRÓ-SAÚDE: Ensino, Pesquisa e Extensão. Juiz de Fora: Editar Editora Associada Ltda, 2009.

ALMEIDA, L.E.; OLIVEIRA JÚNIOR, G.I. Sistema de Execução do Projeto. In: Almeida, Luiz Eduardo de (organizador). Pró-Saúde: Ensino, Pesquisa e Extensão. Juiz de Fora: Editar Editora Associada Ltda, 2009, pp.: 63-86.

ALMEIDA, L.E.; PEREIRA, M.N.; BARA, E.F. Projeto de Extensão Sabiá: a introdução de uma prática integralizadora no ensino odontológico. In: Almeida, Luiz Eduardo de (organizador). Pró-Saúde: Ensino, Pesquisa e Extensão. Juiz de Fora: Editar Editora Associada Ltda, 2009, pp.: 126-164.

ALMEIDA, L.E.; PEREIRA, M.N.; OLIVEIRA, V. Governador Valadares (MG) em Extensão: Interfaces para a Dinamização e Instrumentalização do Cenário Extensionista em um Campus Recém-Implantado. Rev. bras. educ. med., 40(4): 743-750, 2016.

BELL, J. Projeto de Pesquisa: Guia para pesquisadores iniciantes em educação, saúde e ciências sociais. Porto Alegre: Editora Artmed, 2008.

BRAIA, F.; CURRAL, L.; GOMES, C. Criatividade em contexto organizacional: o impacto de recompensas extrínsecas e do feedback negativo no desempenho criativo. Revista Psicologia, 28(2): 45-62, 2014.

BRUDER, M.V.; LOLLI. L.F.; PALÁCIOS, A.R.; ROCHA, N.B.; VELTRINI, V.C.; GASPARETTO, A.; FUJIMAKI, M. Estágio supervisionado na Odontologia: vivência da promoção da saúde e integração multiprofissional. Rev Bras Promoç Saúde, 30(2): 294-300, 20,17.

CARABETTA JÚNIOR, V. A Utilização de Mapas Conceituais como Recurso Didático para a Construção e Interrelação de Conceitos. Rev. bras. educ. med., 37(3): 441-447, 2013.

CRESWELL, J.W. Projeto de Pesquisa: Métodos qualitativo, quantitativo e misto. Porto Alegre: Editora Artmed, 2007.

FREIRE, P. Educação como Prática da Liberdade. Rio de Janeiro: Paz e Terra. 2007.

FREIRE, P. Extensão ou comunicação?. Rio de Janeiro: Editora Paz e Terra, 1983. Disponível em . Acesso em 22 ago. 2019.

FREIRE, P. Pedagogia da Autonomia: saberes necessários à pratica educativa. Rio de Janeiro: Paz e Terra, 2006.

LAGE, R.H.; ALMEIDA, S.K.T.T.; VASCONCELOS, G.A.N.; ASSAF, A.V.; ROBLES F.R.P. Ensino e Aprendizagem em Odontologia: Análise de Sujeitos e Práticas. Rev. bras. educ. med., 41(1): 22–29, 2017.

LEME, P.A.T.; PEREIRA, A.C.; MENEGIM, M.C.; MIALHE, F.L. Perspectivas de graduandos em odontologia acerca das experiências na atenção básica para sua formação em saúde. Ciência & Saúde Coletiva, 20(4):1255-1265, 2015.

MADEIRA, M.C. Ensino, Pesquisa, Extensão. In: Carvalho, Antônio César Perri; Kriger, Léo (organizadores). Educação Odontológica. São Paulo: Editora Artes Médicas, 2006. pp.: 97-103.

MINAYO, M.C.S. Ciência, técnica e arte: o desafio da pesquisa social. In: Pesquisa Social: teoria, método e criatividade / Deslandes, Suely Ferreira (organizadora). Rio de Janeiro: Editora Vozes, 1994. pp.: 09-29. Disponível em . Acesso em 22 ago. 2019.

MOIMAZ, S.A.S.; WAKAYAMA, B.; GARBIN, A.J.I.; GARBIN, C.A.S.; SALIBA, N.A. Análise situacional do estágio curricular supervisionado nos cursos de graduação em Odontologia no Brasil: uma questão de interpretação. Revista da ABENO, 16(4): 19-28, 2016.

NÓBREGA, M.M.; LOPES NETO, D.; SANTOS, S.R. Uso da técnica de brainstorming para tomada de decisões na equipe de enfermagem de saúde pública. R. Bras. Enferm., 50(2): 247-256, 1997.

REUL, M.A.; LIMA, E.D.; IRINEU, K.N.; LUCAS, R.S.C.C.; COSTA, E.M.M.B.; MADRUGA, R.C.R. Metodologias ativas de ensino aprendizagem na graduação em Odontologia e a contribuição da monitoria - relato de experiência. Revista da ABENO, 16(2): 62-68, 2016.

ROCHA, J.S.; DIAS, G.F.; CAMPANHA, N.H.; BALDANI, M.H. O uso da aprendizagem baseada em problemas na Odontologia: uma revisão crítica da literatura. Revista da ABENO, 16(1): 25-38, 2016.

ROSSETTI, H. Saúde para a Odontologia. São Paulo: Editora Santos, 1999.

SALIBA, N.A.; MOIMAZ, A.S.; CHIARATTO, R.A.; TIANO, A.V.P. A utilização da metodologia PBL em Odontologia: descortinando novas possibilidades ao processo ensino-aprendizagem. Rev. odonto ciênc., 23(4): 392-396, 2008.

TAVARES, R. Construindo mapas conceituais. Ciências & Cognição, 12(-): 72-85, 2007.

TINTI, E.C. Dilemas entre teoria e prática a partir da formação profissional e das condições objetivas do trabalho cotidiano. In: Capitalismo, trabalho e formação profissional: dilemas do trabalho cotidiano dos assistentes sociais em Ribeirão Preto. São Paulo: Editora UNESP, 2015, pp.: 97-131.


Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Direitos autorais 2020 Cadernos UniFOA

Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada sob uma licença Creative Commons Atribuição - Não comercial - Compartilhar igual 4.0 Internacional.

Cadernos UniFOA

Campus Três Poços - Av. Paulo Erlei A. Abrantes, 1325 - Três Poços
Prédio 3 - Sala 2 (Casarão)
Volta Redonda - RJ - CEP: 27240-560
Tel.: (24) 3340-8400 – Ramal: 8350

Indexado em:





  • Este obra está licenciado com uma Licença Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional.