OS DISCURSOS POLÍTICOS EM RELAÇÃO À COVID-19 E A EMERGÊNCIA POR UMA ALFABETIZAÇÃO CIENTÍFICO-TECNOLÓGICA: encontros e desencontros no cenário brasileiro

Nara Alinne Nobre-Silva, Antonia Adriana Mota Arrais

Resumo


O presente artigo tem por objetivo apresentar e discutir as diferentes vozes que retratam as medidas adotadas para o controle e tratamento da COVID-19, no decorrer de março a meados de maio de 2020. Para a discussão, buscam-se interlocuções com a Alfabetização Científico-Tecnológica (ACT), que carrega em si a promoção de uma formação crítica e participativa. O estudo se caracteriza como qualitativo, do tipo descritivo. Como fonte de dados, foram selecionadas e transcritas entrevistas, coletivas e pronunciamentos proferidos por representantes dos governos municipal, estadual e federal, além de ocupantes de diferentes cargos do Ministério da Saúde. Adiante, submeteu-se à Análise Textual Discursiva. Os resultados indicam que as dissonâncias entre os discursos governamentais inauguraram uma avalanche de (des)informação, que acabou por conduzir parte da população a seguir posturas inadequadas. Em algumas instâncias, houve uma consciência coletiva, sobressaindo as recomendações da ciência em detrimento de “achismos”. Além disso, resplandeceram indícios de que a economia é o fator preponderante e que na corrida pela cura da doença, o governo federal tem minimizado os estudos clínicos que revelam riscos do uso da (hidroxi)cloroquina. Por fim, evidencia-se que a ACT, enquanto processo, torna-se uma estratégia plausível para o enfrentamento de olhares e atitudes que se encontram com o negacionismo e a anticiência, movidos mais por ideologias e crenças, do que pela análise crítica e complexa da realidade existente.

Palavras-chave


Anticiência; Alfabetização Científico-Tecnológica; COVID-19

Texto completo:

PDF

Referências


AINSLIE, K. E. C. et al. Evidence of initial success for China exiting COVID-19 social distancing policy after achieving containment. Wellcome Open Research. p.1-10, 2020.

ANDERSON, R. M.; HEESTERBEEK, H.; KLINKENBERG, D.; HOLLINGSWORTH, T. D. How will country-based mitigation measures influence the course of the COVID-19 epidemic? The Lancet, v. 395, 931-934, 2020.

AULER, D. Alfabetização Científico-Tecnológica: um novo “paradigma”? Ensaio-Pesquisa em Educação em Ciências. v. 5, p. 68-83, 2003.

AULER, D; DELIZOICOV, D. Alfabetização científico-tecnológica para quê?. Ensaio Pesquisa em Educação em Ciências. v. 3, n. 2, p. 122-134, 2001.

BEDFORD, J.; ENRIA, D.; GIESECKE, J.; HEYMANN, D. L.; IHEKWEAZU, C.; KOBINGER, G. COVID-19: towards controlling of a pandemic. The Lancet. v. 395, p. 1015-1018, 2020.

BOLWARE, D. R. et al. A randomized trial of hydroxychloroquine as postexposure prophylaxis for Covid-19. The New England Journal of Medicine. Disponível em: https://www.nejm.org/doi/full/10.1056/NEJMoa2016638. Acesso em: 24 out. 2020.

BRASIL - Ministério da Saúde. Brasil confirma primeiro caso da doença. 2020. Disponível em: https://www.saude.gov.br/noticias/agencia-saude/46435-brasil-confirma-primeiro-caso-de-novo-coronavirus. Acesso em: 20 março 2020.

BULLA, B. Casa Branca anuncia envio de 2 milhões de doses de hidroxicloroquina para o Brasil. O Estadão, 2020. Disponível em: https://saude.estadao.com.br/noticias/geral,casa-branca-anuncia-envio-de-2-milhoes-de-doses-de-hidroxicloroquina-para-o-brasil,70003320511. Acesso em: 24 out. 2020.

CORREIO BRASILIENSE. Mandetta: estudo da ação da cloroquina contra coronavírus é muito frágil. Correio Brasiliense, 2020. Disponível em: https://www.correiobraziliense.com.br/app/noticia/brasil/2020/04/03/interna-brasil,842260/mandetta-estudo-da-acao-da-cloroquina-contra-coronavirus-e-muito-fra.shtml. Acesso em: 24 out. 2020.

CIDADE VERDE. EUA enviam 2 milhões de doses de cloroquina ao Brasil. Cidade Verde, 2020. Disponível em: https://cidadeverde.com/coronavirus/108170/eua-enviam-2-milhoes-de-doses-de-cloroquina-ao-brasil. Acesso em: 24 out. 2020.

COSTA, J. B, SILVA, L. H. A. É preciso escolher entre vida e economia?. Revista Pet Economia UFES, 1(1), 17-19, 2020.

FEHR, A. R.; PERLMAN, S. Coronaviruses: an overview of their replication and pathogenesis. Methods Molecular Biology, v.1282, p.1-23, 2015.

FREIRE, P. Pedagogia da autonomia. Saberes Necessários à Prática Educativa. 25ª Edição. Paz e Terra, 1996.

_______, P. Pedagogia do oprimido. Rio de Janeiro: Paz e Terra, 2013.

FRIGOTTO, G. Empresários mais ricos do Brasil: a ignorância, o cinismo e a ganância que matam. Espaço e Economia - Revista brasileira de geografia econômica, 2020.

GAUTREAT, P. et al. Hydroxychloroquine and azithromycin as a treatment of COVID-19: results of an open-label non-randomized clinical trial. Jounal Pre-proof, 2020.

GIL, A. C. Como elaborar projetos de pesquisa. São Paulo: Atlas, 2002.

GOLDENBERG, S. Reflexões sobrea verdade. Acta Cirúrgica Brasileira, editorial, v.22, n.6, p.420-421, 2007.

GOLDHARDT, R. et al. Avaliação da toxicidade ocular por derivados da 4-aminoquinolona. Arq. Bras. Oftalmologia, n.65, p.645-649, 2002.

HARVEY, D. Política anticapitalista em tempos de COVID-19. In: DAVIS, M.; HARVEY, D.; BIHR, A.; ZIBECHI, R.; BADIOU, A.; ZIZEK, S. Coronavírus e a luta de classes. Terra sem Amos: Brasil, 2020.

LANA, R. M.; COELHO, F. C.; GOMES, M. F. da C.; CRUZ, O. G.; BASTOS, L. S.; MACIEL, D. A.; CODEÇO, C. T. Emergência do novo coronavírus (SARS-CoV-2) e o papel de uma vigilância nacional em saúde oportuna e efetiva. Cadernos de Saúde Pública, v. 36, p. 1-5, 2020.

LAYRARGUES, P. P. A dimensão freireana na educação ambiental. In: LOUREIRO, C. F. B.; TORRES, J. R. Educação Ambiental: dialogando com Paulo Freire. São Paulo: Cortez, 2014.

LINDNER, J.; SABINO, M. Estudo sobre cloroquina é ainda incipiente, diz Mandetta. Uol, 2020. Disponível em: https://noticias.uol.com.br/ultimas-noticias/agencia-estado/2020/03/28/estudo-sobre-cloroquina-e-ainda-incipiente-diz-mandetta.htm. Acesso em: 24 out. 2020.

LIVIANU, R. Mídia e Cidadania. coord. Justiça, cidadania e democracia (on-line). Rio de Janeiro: Centro Edelstein de Pesquisa Social, 2009. pp. 202-212. SciELO Books. Disponível em: https://static.scielo.org/scielobooks/ff2x7/pdf/livianu-9788579820137.pdf. Acesso em: 05 maio 2020.

LORENZETTI, L.; DELIZOICOV, D. Alfabetização científica no contexto das séries iniciais. Ensaio Pesquisa em educação em Ciências, v. 3, n. 1, p. 37-50, 2001.

LORENZETTI, L.; SIEMSEN, G. H.; OLIVEIRA, S. Alfabetização Tecnológica na Educação em Química: analisando a temática ácidos e bases. Actio, v.2, n.1, p.4-22, 2017.

LUDKE, M.; ANDRÉ, M. E. D. A. Pesquisa em educação: abordagens qualitativas. 2º ed. São Paulo: EPU, 2013.

MEHRA, M. R. et al. Hydroxychloroquine or chloroquine with or without a macrolide for treatment of COVID-19: a multinational registry analysis. The Lancet, p.1-10, 2020.

MENEZES, C. R.; SANCHES, C.; CHEQUER, F. M. D. Efetividade e toxicidade da cloroquina e da hidroxicloroquina associada (ou não) à azitromicina para tratamento da COVID-19. O que sabemos até o momento? Journal of Health and Biological Sciences, v.8, n.1, p.1-9, 2020.

MORAES, R.; GALIAZZI, M. C. Análise Textual Discursiva. 3ºed. Ijuí: Ed. Unijuí, 2016, 264p.

MOURÃO, C. A. J. COVID-19 e isolamento social: algumas reflexões. Revista Augustus, v. 25, n. 51, p. 381-393, 2020.

NUSSBAUM, M. Sem fins lucrativos: por que a democracia precisa das humanidades. São Paulo: WMF Martins Fontes, 2015.

O GLOBO. Estados Unidos anunciam envio de 2 milhões de doses de cloroquina para o Brasil. O Globo, 2020. Disponível em: https://oglobo.globo.com/sociedade/estados-unidos-anunciam-envio-de-2-milhoes-de-doses-de-cloroquina-para-brasil-24455665. Acesso em: 24 out. 2020.

ORGANIZAÇÃO MUNDIAL DE SAÚDE (OMS). Folha informativa – COVID-19 (doença causada pelo novo coronavírus). Disponível em: https://www.paho.org/bra/index.php?option=com_content&view=article&id=6101:covid19&Itemid=875. Acesso em: 24 maio 2020.

PINTO, A. E. S. OMS vai retomar estudos com hidroxicloroquina após avaliação de segurança. Folha de São Paulo on-line, 2020. Disponível em: https://www1.folha.uol.com.br/equilibrioesaude/2020/06/oms-vai-retomar-estudos-com-hidroxicloroquina-apos-avaliacao-de-seguranca.shtml. Acesso em: 24 out. 2020.

RAMOS, R. L. M.; SILVA, C. N. N. Ensino Médio Integrado: por que o Brasil precisa dele? In: CRUZ SOBRINHO, S.; PLÁCIDO, R. L. Educação Profissional Integrada ao Ensino Médio (org), João Pessoa: IFPB, 2020, cap.1 p.25-47.

RASQUEL, S. G. A desinformação como estratégia de manipulação e abuso de poder no discurso político. Letras Escreve, v.8, n.2, p.7-32, 2018.

SANTOS, R. A.; AULER, D. Práticas educativas CTS: busca de uma participação social para além da avaliação de impactos da Ciência-Tecnologia na sociedade. Ciência e Educação, v. 25, n.2, p.485-503, 2019.

SASSERON, L. H. Alfabetização Científica, Ensino por Investigação e Argumentação: relações entre Ciências da Natureza e a Escola. Ensaio, v.17, nº especial, p.49-67, 2015.

SASSERON, L. H.; CARVALHO, A. M. P. Alfabetização científica: uma revisão bibliográfica. Investigações em ensino de ciências, v. 16, n. 1, p. 59-77, 2016.

SCHUCHMANN, A. Z.; SCHNORRENBERGER, B. L.; CHIQUETTI, M. E.; GAIKI, R. S.; RAIMANN, B. W.; MAEYAMA, M. A. Isolamento social vertical X Isolamento social horizontal: os dilemas sanitários e sociais no enfrentamento da pandemia de COVID-19. Brazilian Journal of Health Review, v. 3(2), p. 3556-3576, 2020.

VENAGLIA, G. Mandetta rejeita decreto para cloroquina e pede que médicos ‘convençam pares’. CNN Brasil, 2020. Disponível em: https://www.cnnbrasil.com.br/saude/2020/04/07/mandetta-rejeita-decreto-para-cloroquina-e-pede-que-medicos-convencam-pares. Acesso em: 24 out. 2020.

TELESSAUDERS. Qual a diferença de distanciamento social, isolamento e quarentena? Disponível em: https://www.ufrgs.br/telessauders/posts_coronavirus/qual-a-diferenca-de-distanciamento-social-isolamento-e-quarentena/. Acesso em: 23 maio 2020.


Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Revista Praxis

Campus Três Poços - Av. Paulo Erlei A. Abrantes, 1325 - Três Poços
Prédio 3 - Sala 2 (Casarão)
Volta Redonda - RJ - CEP: 27240-560
Tel.: (24) 3340-8400 – Ramal: 8350

Indexado em: