Luz, câmera, ação: o uso de filmes como estratégia para o ensino de Ciências e Biologia.

Elaine Cristina Pereira Costa, Marcelo Diniz Monteiro de Barros

Resumo


O presente artigo é resultado de duas edições de um curso de férias, realizado em uma Instituição de Pesquisa, cujo objetivo é discutir as possibilidades do uso do cinema para o ensino de Ciências, no Ensino Fundamental e Biologia, no Ensino Médio. A metodologia desenvolvida ao longo das aulas baseou-se na discussão de artigos científicos acerca do uso do cinema no ensino, as possibilidades e as limitações dessas atividades, relatos de experiências em sala de aula, além da exibição dos filmes. Ao longo das aulas os professores destacavam os principais conceitos que poderiam ser abordados em sala de aula, e solicitavam que os próprios graduandos anotassem, em um diário de bordo, as cenas potenciais para discussão. Foram apresentadas, ainda, possíveis conexões dos filmes apresentados ao ofício do professor. Os autores esperam ter contribuído para uma maior utilização de filmes, documentários e animações nos contextos formais de educação.


Texto completo:

PDF


DOI: https://doi.org/10.25119/praxis-6-11-625

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Revista Praxis

Campus Três Poços - Av. Paulo Erlei A. Abrantes, 1325 - Três Poços
Prédio 3 - Sala 2 (Casarão)
Volta Redonda - RJ - CEP: 27240-560
Tel.: (24) 3340-8400 – Ramal: 8350

Indexado em: