O ENTENDIMENTO DE SURDOS E OUVINTES SOBRE CONCEITOS DE CINEMÁTICA EM UM ESTUDO DIRIGIDO

Autores

  • Klayton Santana Porto Universidade Federal do Recôncavo da Bahia - UFRB
  • Amanda Amantes Universidade Federal da Bahia - UFBA

DOI:

https://doi.org/10.47385/praxis.v13.n25.1341

Palavras-chave:

Aprendizagem, Ensino de Física, Educação Inclusiva.

Resumo

O artigo tem como objetivo principal analisar para quais possíveis preditores, em uma classe de surdos e ouvintes, os sujeitos apresentam um desempenho diferenciado na realização de uma atividade de estudo dirigido sobre Cinemática Escalar. O instrumento aplicado averiguou o entendimento explicitado por estudantes surdos e ouvintes na resolução de uma tarefa que requeria deles a interpretação e a compreensão do conteúdo científico mediado pela língua portuguesa. A análise dos dados apresentada se refere a um estudo exploratório, no qual utilizamos testes clássicos para investigar o desempenho dos alunos considerados em termos de escores brutos. Identificamos e averiguamos a influência dos seguintes preditores: série, turma, sexo e audição. Verificamos que houve diferença para os preditores série, turma e audição em relação às séries. Para os demais preditores não houve diferença significativa na explicitação do entendimento do conteúdo abordado por meio da análise realizada.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Klayton Santana Porto, Universidade Federal do Recôncavo da Bahia - UFRB

Doutor e Mestre em Ensino, Filosofia e História das Ciências pela Universidade Federal da Bahia. Professor do curso de Lienciatura em Educação do Campo com habilitações em Ciências da Natureza e Matemática no Centro de Ciência e Tecnologia em Energia e Sustentabilidade da UFRB.

Amanda Amantes, Universidade Federal da Bahia - UFBA

Doutora e mestre em Educação pela Universidade Federal de Minas Gerais. Professora do Programa de Pós-graduação em Ensino, Filosofia e História das Ciências da UFBA.

Referências

AMANTES, A. Contextualização no Ensino de Física: Efeitos sobre a evolução do entendimento dos estudantes. Tese de Doutorado, UFMG, 2009, 275p.

AMANTES, A; MAIA, E; MARINHO, R; COELHO, G; FERNANDES, F. An analytical tool to evoluate conceptual understanding, ESERA, 2013.

COELHO, G. R. A evolução do entendimento dos estudantes em eletricidade: Um estudo longitudinal. Tese de Doutorado, UFMG, 2011, 173p.

DAWSON, T.L. The Lectical™ Assessment System, 2008. Disponível em http://www.lectica.info. Acesso em: nov.2016.

FERREIRA, P. N. P.; PORTO, K. S. Práticas Pedagógicas desenvolvidas com alunos com deficiência: um estudo de caso em uma escola do campo de Feira de Santana - BA. Revista Brasileira de Educação do Campo, v. 5, p. e7913, 3 jul. 2020.

FISCHER, K. W. A theory of cognitive development: the control and construction of hierarchies of skills. Psychological Review, v. 87, 1980. 477–531.

GOLDFELD, M. A. A criança surda: linguagem e cognição. São Paulo: Plexus, 2009.

GUTTMAN, L. A basis for scaling qualitative data. American Sociological Review, n. 9, 1944, p. 139-150.

MELETTI, S. M. F.; BUENO, J. G. S. A escolarização de alunos com deficiência: uma análise dos indicadores sociais no Brasil (1997-2006). In: REUNIÃO ANUAL DA ANPED, 33.; 2010, Caxambú. Educação no Brasil: o balanço de uma década, 2010. p.1-17.

OLIVEIRA, E. da S. G. de, Distúrbios de conduta. In. DELOU, C. M. C. et al. Fundamentos teóricos e metodológicos da Inclusão. Curitiba: IESDE, 2008.

PARZIALE, J.; FISCHER, K. W. The practical use of skill theory in classrooms. In: STERNBERG, R. J.; WILLIAMS, W. M. (Ed.). Intelligence, instruction and assessment. 1998, p. 96–110.

PIAGET, J. A linguagem e o pensamento da criança. São Paulo: Martins Fontes, 1985.

PORTO, K. S. Avaliando o entendimento de estudantes surdos e ouvintes de ensino médio sobre Cinemática em um contexto de Educação Inclusiva. Dissertação de Mestrado, UFBA/UEFS, 2014, 143p.

PORTO, K. S. A argumentação e o entendimento de estudantes surdos e ouvintes sobre Cinemática. Tese de Doutorado, UFBA/UEFS, 2018, 267p.

RIBEIRO, S. L.; DUBOC, M. J. O.; PORTO, K. S. Docência no Ensino Superior em tempos de inclusão educacional: um convite à reflexão. Revista Educação, Cultura e Sociedade, v. 10, n. 2, 2020.

Downloads

Publicado

2021-06-24

Edição

Seção

Artigos