Percepções de professores acerca de um site que discute a pandemia da Covid 19 como questão sociocientífica

Isabel Martins, Beatriz Modesto da Silva, Humberto Martins de Souza, Marcelo Borges Rocha, Marcia Regina Garcia, Maria Angélica Mejía-Cáceres, Pedro Miguel Marques da Costa, Rafaela Ferreira dos Santos, Samara Kister, Yasmin Lanatte

Resumo


Este trabalho tem objetivo de identificar a percepção dos professores da educação básica sobre o site “Questões Sociocientíficas no Ensino de Ciências” desenvolvido pelo GT Acadêmico do Instituto Nutes de Educação em Ciências e Saúde da UFRJ durante a pandemia da Covid19. No intuito de validar o site, foi aplicado um questionário organizado em quatro blocos:(i) perfil do professor (tempo de magistério, disciplinas que leciona etc.); (ii) estrutura do site; (iii) expectativas, análises dos conteúdos e possibilidades de uso didático do site; (iv) sugestões sobre o site. As análises se organizaram a partir de procedimentos de análise de conteúdo temática de Bardin (2016). Os resultados obtidos indicam que os docentes compreendem o site como fonte de recursos e orientações para práticas pedagógicas, mas também como um espaço que reafirma a autonomia do professor e o caráter autoral da docência. Por fim, observamos que o site foi bem recebido pela maior parte dos docentes, os quais demonstraram perceber a relevância do trabalho curricular com questões sociocientíficas, sobretudo no contexto da pandemia.


Palavras-chave


Questões sociocientífica. Ensino de ciências. Formação docente.

Texto completo:

PDF

Referências


ÁLVAREZ, C.; OSORO, J. Colaboración Universidad-Escuela para la innovación escolar. Una investigación acción en proceso. Innovación educativa, n. 24, p 215-227, 2014.

ARAGÃO, J. C. S.; SOARES, G. A. R.; SANTOS, I. X. P.; SOUZA, M. C.; SOUZA, R. S. Produção de vídeos como material didático de apoio para aprendizagem em saúde da mulher: relato de experiência. Revista Práxis, v.11, n. 22, 2019.

BARDIN, L. Análise de conteúdo: edição revista e ampliada. São Paulo: Edições 70, 2016.

CHARLOT, B. A Pesquisa educacional entre conhecimentos, políticas e práticas: especificidades e desafios de uma área de saber. Revista Brasileira de Educação, v.111, n. 31, 2206.

COELHO S.; CRUZ R. Limites e Possibilidades das tecnologias digitais na educação de jovens e adultos. Disponível em: http://www.anped.org.br/sites/default/files/gt18-5049-int.pdf. Acesso em: 28/06/2020.

LIMA, A.; MARTINS, I. O que é uma questão socialmente aguda? Uma análise discursiva a partir de uma comunidade de prática. Revista de Ensino de Biologia da Associação Brasileira de Ensino de Biologia (SBEnBio), v. 7, p. 324-334, 2014.

MARTINS, I.; ROCHA, M.; MEJÍA-CÁCERES, M.; COSTA, P.; MACHADO, S. A pandemia da Covid-19 como questão sociocientífica: aportes do Instituto NUTES para professores e estudantes da Educação Básica. Revista Tecnologia e Sociedade. (no prelo).

MARTINS, I.; LIMA, A. Learning with/from each other: experiences in a collaborative group. In Scantlebury, K. & Ritchie, S. (eds.) Moving Science Education into the 21st Century: a Festschrift in honor of Kenneth Tobin. Dordrecht: Springer (no prelo).

SILVA, M. C.; SILVA, G. S. F.; MARTINS, I. Codocência e estágio supervisionado: um processo horizontal de formação de professores. Tecné, Episteme Y Didaxis: Ted (Revista De La Facultad De Ciencia y Tecnología), v. Extra, p. 1-6, 2018.

VANDERLINE, R.; VAN BRAAK, J. The gap between educational research and practice: views of teachers, school leaders, intermediaries and researchers. British Educational Research Journal. v. 36, n.2, p. 299-316. 2010.

MELO, W. B.; BIANCHI, C. Discutindo estratégias para a construção de questionários como ferramenta de pesquisa. Revista Brasileira de Ensino de Ciência e Tecnologia. v.8, n.3, p. 43-59, 2015.


Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Revista Praxis

Campus Três Poços - Av. Paulo Erlei A. Abrantes, 1325 - Três Poços
Prédio 3 - Sala 2 (Casarão)
Volta Redonda - RJ - CEP: 27240-560
Tel.: (24) 3340-8400 – Ramal: 8350

Indexado em: