Pesquisa Científica no Curso de Enfermagem: Revisão Integrativa

Marcela Pereira Oliveira, Ilda Cecília Moreira da Silva, Gabriela Girão Albuquerque

Resumo


O curso de enfermagem vem buscando modificar o perfil do profissional, através de uma formação técnica, científica, crítica e reflexiva por intermédio da pesquisa científica. Porém, parte desses alunos são desestimulados ao realizar essa atividade. Este trabalho teve como objetivo buscar evidências cientificas sobre a percepção do aluno de enfermagem acerca da pesquisa científica. Utilizou-se como metodologia a revisão integrativa. A pesquisa foi realizada em bases de dados na área da saúde e os descritores utilizados foram: estudantes de enfermagem e pesquisa em enfermagem. Foram encontrados 15 artigos. Percebeu-se que os alunos entendem a importância da pesquisa científica na formação e no desenvolvimento acadêmico e profissional. A falta de integração entre instituições de ensino superior e os serviços de saúde foi apontada como dificuldade para realização e elaboração de pesquisas cientificas. As instituições de ensino superior, as atividades de extensão e o apoio docente foram apontados como essenciais no estímulo do aluno ao ato constante da pesquisa. Considera-se a necessidade da mudança do perfil do professor para melhor desenvolvimento do aluno e a busca por metodologias e instrumentos para o estímulo do estudo e do desenvolvimento da prática em questão. Além disso, melhor integração ensino com os serviços de saúde.

Palavras-chave:  Estudantes de Enfermagem, Pesquisa Científica, Metodologia.


Texto completo:

PDF


DOI: https://doi.org/10.25119/praxis-8-16-804

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Revista Praxis

Campus Três Poços - Av. Paulo Erlei A. Abrantes, 1325 - Três Poços
Prédio 3 - Sala 2 (Casarão)
Volta Redonda - RJ - CEP: 27240-560
Tel.: (24) 3340-8400 – Ramal: 8350

Indexado em: