O "PROJETO CORES", MATISSE E A INTERDISCIPLINARIDADE NA EDUCAÇÃO INFANTIL

Autores

  • Cláudio Severino Delunardo Centro Universitário de Volta Redonda - UniFOA
  • Verônica Aparecida de Almeida Silva Perroud Prefeitura Municipal de Quatis - SME

DOI:

https://doi.org/10.47385/cadunifoa.v12.n34.421

Palavras-chave:

Interdisciplinaridade, educação física, artes, educação infantil.

Resumo

O estudo teve como objetivo descrever o trabalho interdisciplinar denominado “Projeto Cores”, que realizou ações psicomotoras e recreativas nas aulas de Educação Física, concomitante com atividades de pinturas e colagens realizadas em sala de aula. O Projeto teve o intuito de proporcionar aos alunos o reconhecimento das cores que estão presentes em todos os ambientes em que vivem. Notou-se que o salutar entrosamento das Artes com a Educação Física, amparado pelo movimento lúdico e o cabedal de informações associadas aos objetivos do "Projeto Cores" proporcionou às crianças envolvidas aspectos relacionados ao seu desenvolvimento psicomotor e, também,  atividades que contribuíram para um aprimoramento da sensibilidade, tão necessária à contemplação e á compreensão do espaço do qual fazemos parte.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Cláudio Severino Delunardo, Centro Universitário de Volta Redonda - UniFOA

Mestre em Ciências da Saúde e do Meio Ambiente.

Docente do Curso de Educação Física do Centro Universitário de Volta Redonda - UniFOA

Docente da Prefeitura Municipal de Quatis - SME

Verônica Aparecida de Almeida Silva Perroud, Prefeitura Municipal de Quatis - SME

Docente da Prefeitura Municipal de Quatis - SME

Referências

BRASIL. Ministério da Educação e do Desporto. Secretaria de Educação Fundamental. Referencial curricular nacional para a educação infantil. Brasília - DF: MEC/SEF, 1998.

BRASILEIRO, Lívia Tenório. Educação Física e Arte: reflexões acerca de suas origens na escola. Revista Motriz, Rio Claro, v. 16, n. 3, p. 742-750, jul./set. 2010.

BUSS-SIMÃO, Márcia. Relações sociais na educação infantil: olhar sobre o corpo e os sentimentos. Revista Educação, Porto Alegre, vol. 37, n. 01, p. 101-109, jan./abr. 2014.

CHAVES, Eneida Maria; AMORIM, Dolores Maria Borges. A interdisciplinaridade como princípio de formação docente: limites e possibilidades - o CSFP em questão. Revista Educação, Porto Alegre, vol. 32, n. 03, p. 316-325, set./dez. 2009.

DAL’MASO, Eunice Maria; OLIVEIRA, Ana Arlinda. O movimento impresso na arte e na educação física. 2009. Disponível em: <http://www.pucpr.br/eventos/educere/educere2009/anais/pdf/2447_1118.pdf>. Acesso em: 06 Out. 2015.

FALKENBACH, Atos; STAMPE, Betina. Educação física e artes: uma experiência interdisciplinar através do lúdico. Revista Movimento, Porto Alegre, ano VII, n. 13, p. 32-40, 2000.

FARIA, Maria Catarina Meirelles et al. Atividades motoras cotidianas e sua influências no desenvolvimento de pré-escolares. Revista Movimento, Porto Alegre, vol. 16, n. 01, p. 113-130, jan./mar. 2010.

FORTUNATO, Raquel Paula; CONFORTIN, Renata. Interdisciplinaridade nas escolas de educação básica: da retórica à efetiva ação pedagógica. Revista de Educação do Ideau, Getúlio Vargas, v. 8, n. 17, p. 1-14, jan./jun. 2013.

FOURCADE, Dominique. (Org.). Escritos e reflexões sobre arte: Henri Matisse. São Paulo: Cosac Naify, 2007.

GALLAHUE, David. L.; OZMUN, John. C.; GOODWAY, Jackie. D. Compreendendo o desenvolvimento motor: bebês, crianças, adolescentes e adultos. 7. ed. Porto Alegre – RS: Artmed, 2013.

GODTSFRIEDT, Jonas. Desenvolvimento motor: motricidade global e fina. EFDeportes.com Revista Digital, Buenos Aires, v. 15, n. 143, abr. 2010.

LE BOULCH, Jean. O desenvolvimento psicomotor: do nascimento até 6 anos. 7. ed. Porto Alegre: Artmed, 2001.

LOUREIRO, Walk; CRUZ JUNIOR, Antônio Fernandes; SILVA, Elizete Aparecida. Educação física e artes: trabalhando na educação infantil de maneira interdisciplinar. Cadernos de Formação RBCE, São Paulo, p. 81-94, jan. 2011.

MOURA, Rômulo Gabriel Caccavo. A lateralidade como ferramenta essencial do desenvolvimento infantil nos primeiros anos do ensino fundamental. EFDeportes.com Revista Digital, Buenos Aires, v. 19, n. 197, out. 2014.

MOURÃO, Elaine Aparecida Ferreira; TRIGO, Ricardo Wagner de Mendonça. Influência da lateralidade no desenvolvimento motor de crianças de cinco anos. Conexão ciência, Formiga, v. 8, n. 2, p. 87-96, jul./dez. 2013.

NEIRA, Marcos. Garcia. Ensino de educação física. São Paulo: Thomson Learning, 2007.

OUTEIRO, Marlete Turmina; OLIVEIRA, Marlize Rubin; BERNARTT, Maria de Lourdes. Relação interdisciplinar no curso de licenciatura em educação do campo. Revista VITAS - Visões Transdisciplinares sobre Ambiente e Sociedade, Niterói, v. 5, n. 9, p. 1-14, fev. 2015.

PÁTARO, Ricardo Fernandes; BOVO, Marcos Clair. A interdisciplinaridade como possibilidade de diálogo e trabalho coletivo no campo da pesquisa e da educação. Revista NUPEM, Campo Mourão, v. 4, n. 6, jan./jul. 2012.

QUADROS, Cerli Terezinha; SANTOS, Leandra Ines Seganfredo. Ensino de arte na educação infantil: múltiplas dimensões da prática pedagógica. Revista Eventos Pedagógicos, Sinop, v. 3, n. 3, p. 24-32, ago./dez. 2012.

SEVERINO, Cláudio Delunardo; PORROZZI, Renato. A ludicidade aplicada à educação física: a prática nas escolas. Revista Práxis, Volta Redonda, v. 2, n. 3, p. 51-58, jan. 2010.

SILVA, Elizangela Aparecida et al. Fazendo arte para aprender: A importância das artes visuais no ato educativo. Pedagogia em ação, Belo Horizonte, v. 2, n. 2, p. 1-117, nov. 2010.

SILVA, Suelene de Rezende; PALMA, Rute Cristina Domingos. O brincar e o desenvolvimento das noções espaciais na Educação Infantil. Revista Zero-a-seis, Florianópolis, v. 17, n. 31, p. 015-031, jan./jun., 2015.

THIESEN, Juares da Silva. A interdisciplinaridade como um movimento articulador no processo ensino-aprendizagem. Revista Brasileira de Educação, Rio de Janeiro, v. 13, n. 39, p. 545-598, set./dez., 2008.

WROBLESVSKI, Daniele. As tendências pedagógicas no ensino de artes. In: IX CONGRESSO NACIONAL DE EDUCAÇÃO - III ENCONTRO SUL BRASILEIRO DE PSICOPEDAGOGIA , Curitiba, PR. Anais. Pontifícia Universidade Católica do Paraná (PUCPR), 2009. p. 11013-11026.

Downloads

Publicado

03-10-2017

Como Citar

DELUNARDO, C. S.; PERROUD, V. A. de A. S. O "PROJETO CORES", MATISSE E A INTERDISCIPLINARIDADE NA EDUCAÇÃO INFANTIL. Cadernos UniFOA, Volta Redonda, v. 12, n. 34, p. 125–137, 2017. DOI: 10.47385/cadunifoa.v12.n34.421. Disponível em: https://revistas.unifoa.edu.br/cadernos/article/view/421. Acesso em: 4 out. 2022.

Edição

Seção

Ciências Biológicas e da Saúde