Avaliação das Principais Modificações do Programa Nacional de Alimentação Escolar (Pnae)

Autores

  • Kesia de Oliveira Vasti Curso de Nutrição do Centro Universitário de Vota Redonda – UniFOA, Volta Redonda, RJ, Brasil.
  • Elton Bicalho de Souza Mestre em Nutrição Humana. Docente do Curso de Nutrição do UniFOA.

DOI:

https://doi.org/10.47385/cadunifoa.v8.n1%20(Esp.).1232

Palavras-chave:

PNAE, Alimentação escolar, Segurança Alimentar e Nutricional,

Resumo

O PNAE é o programa mais antigo do país na área de Segurança Alimentar e Nutricional, sendo uma política pública presente há mais de 50 anos no Brasil, representando um dos maiores programas de alimentação e nutrição do mundo. O objetivo do presente trabalho foi avaliar as modifica- ções realizadas no PNAE, nas publicações das versões dos anos de 2009 e 2011. Trata-se de uma revisão bibliográfica dos documentos publicados pelo Ministério da Educação (MEC), além de busca de artigos e outros documentos oficiais. Como principais modificações, foram encontradas alterações referentes ao valor do per capita repassado aos municípios para aquisição de alimentos, bem como alterações no quadro técnico de funcionários envolvidos no programa. Conclui-se que apesar de poucas, as mudanças foram importantes, e se faz necessária toda atenção ao desenvolvimento e crescimento deste programa, uma vez que seu principal objetivo é contribuir para a melhoria da aprendizagem e desenvolvimento saudável na infância.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Referências

BELIK, W. et al. O programa nacional de alimentação escolar como instrumento de promoção do desenvolvimento local. 2006. Disponível em: . Acesso em 01/10/2011.

BITTENCOURT, J.M.V.; FARENZENA, N. Uma avaliação da efetividade do programa de alimentação escolar no município de Guaíba. Dissertação de mestrado. Programa de Pós-Graduação em Educação. UFRGS. Porto Alegre, 2007, 164 p.

BLEIL, R.A.T. et al. Adesão ao programa de alimentação escolar por alunos de instituições públicas de ensino no município de Toledo, PR. Revista Segurança Alimentar e Nutricional, v. 16, n. 1, p. 65-82, 2009.

BRASIL. Ministério da Educação. Fundo Nacional de Desenvolvimento da Educação. Caderno de Legislação PNAE 2009. Brasília, 2011, 192 p.

BRASIL. Conselho de Segurança Alimentar - CONSEA. A segurança alimentar e nutricional e o direito humano à alimentação adequada no Brasil. Brasília, 2010.

BRASIL. Ministério da Educação. Fundo Nacional de Desenvolvimento da Educação. Caderno de Legislação PNAE 2011. Brasília, 2011, 221 p.

CUNHA, E. et al. A alimentação orgânica e as ações educativas na escola: diagnóstico para a educação em saúde e nutrição. Revista Ciência & Saúde Coletiva, v. 15, n. 1, p. 39-49, 2010.

DANELON, M.A.S. et al. Serviços de alimentação destinados ao público escolar: análise da convivência do Programa de Alimentação Escolar e das cantinas. Revista Segurança Alimentar e Nutricional, v. 13, n. 1, p. 85-94, 2006.

FLAVIO, E.F. et al. Avaliação da alimentação escolar oferecida aos alunos do ensino fundamental das escolas municipais de Lavras, MG. Ciência e Agrotecnologia, v. 32, n. 6, p. 1879- 1887, 2008.

GOLDSCHMIDT, P.S.; GRANADA, G..G.. Biodisponibilidade de ferro na merenda escolar. Alimentos e Nutrição, v. 19, n. 4, p. 441-448, 2008.

LUCERO, L.M. et al. Acompanhamento nutricional de crianças de baixa renda que se beneficiam do programa nacional de alimentação escolar (PNAE). Revista da AMRIGS, v. 54, n. 2, p. 156- 161, 2010.

MAGALHÃES, A.M. et al. Viabilidade da introdução do mel na merenda escolar: oportunidade e desafio para o agronegócio apícola. Revista de Economia e Agronegócio, v. 7, n. 9, p. 55-76, 2009.

MASCARENHAS, J.M.O.; SANTOS, J.C. Avaliação da composição nutricional dos cardápios e custos da alimentação escolar da rede municipal de conceição do Jacuípe/ BA. SITIENTIBUS, v. 1, n. 35, p.75-90, 2006.

MATIHARA, C.H. et al. Valor nutricional da merenda escolar e sua aceitabilidade. Revista Saúde e Pesquisa, v. 3, n. 1, p. 71-77, 2010.

MUNIZ, V.M.; CARVALHO, A.T. O Programa Nacional de Alimentação Escolar em município do estado da Paraíba: um estudo sob o olhar dos beneficiários do Programa. Revista de Nutrição, v. 20, n. 3, p. 285-296, 2007.

PEGOLO, G.E.; SILVA, M.V. Consumo de energia e nutrientes e a adesão ao Programa Nacional de Alimentação Escolar (PNAE) por escolares de um município paulista. Revista Segurança Alimentar e Nutricional, v.

, n. 2, p. 50-62, 2010. 17. QUEIROZ, A.R. et al. A fortificação das farinhas de trigo e de milho no fornecimento de ferro para a merenda escolar. Revista Sociedade Brasileira de Alimentação e Nutrição, v. 33, n. 2, p. 63-73, 2008.

SCARPARO, A.L.S et al. Ações do centro colaborador em alimentação e nutrição do escolar da Universidade Federal do Rio Grande do Sul. Revista HCPA, v. 30, n. 3, p. 302-305, 2010.

SILVA, F.C. Políticas federais como indução de políticas municipais e locais na educação básica. Revista Eletrônica de Educação, v. 4, n. 2, p. 5-19, 2010.

SOBRAL, F.; COSTA, V.M.H.M. Programa nacional de alimentação escolar: sistematização e importância. Alimentos e Nutrição, v. 19, n. 1, p. 73- 81, 2008.

SOUZA, A.L.C.; MAMEDE, M.E.O. Estudo sensorial e nutricional da merenda escolar de uma escola da cidade de Lauro de Freitas-BA. Revista do Instituto Adolfo Lutz, v. 69, n. 2, p. 255-260, 2010.

STOLARSKI, M.C.; CASTRO, D. Caminhos da alimentação escolar no Brasil: análise de uma política pública no período de 2003-2004. Revista Paranaense de Desenvolvimento, v. 1, n.113, p. 31-58, 2007.

VOOS, A.C.; SCHUCH, I. Atuação do Nutricionista no Programa Nacional de Alimentação Escolar (PNAE) no estado do RS. Trabalho de Conclusão de Curso. Pós-Graduação em Saúde Pública. UFRGS. Porto Alegre, 2009, 48 p.

Downloads

Publicado

05-04-2017

Como Citar

VASTI, K. de O.; SOUZA, E. B. de. Avaliação das Principais Modificações do Programa Nacional de Alimentação Escolar (Pnae). Cadernos UniFOA, Volta Redonda, v. 8, n. 1 (Esp.), p. 21–29, 2017. DOI: 10.47385/cadunifoa.v8.n1 (Esp.).1232. Disponível em: https://revistas.unifoa.edu.br/cadernos/article/view/1232. Acesso em: 4 out. 2022.

Edição

Seção

Especial Nutrição

Artigos mais lidos pelo mesmo(s) autor(es)